A expressão da ironia no Português Brasileiro: um estudo prosódico

Wisla Ferreira

Resumo


Partindo das premissas de alguns autores, tais como Couper-Kuhlen (1986), Wichmann (2000), Aubergé (2002), Fónagy (2003), que acreditam que aspectos prosódicos relacionados, principalmente, à curva melódica - variações de frequência fundamental (F0), influenciam na percepção do sentido de crenças, atitudes e intenções do locutor, analisamos enunciados irônicos, retirados do Programa da Rede Bandeirantes de Televisão CQC (Custe o Que Custar), a fim de verificar o papel da prosódia na construção dos significados irônicos em contextos específicos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Anais do Colóquio Brasileiro de Prosódia da Fala - ISSN 2237-6836