A LINGUAGEM HÍBRIDA DAS MÍDIAS DIGITAIS NA ESCOLA

Luciano Dias de Sousa, Lucas Borcard Cancela, Flávio Aparecido de Almeida, Marcos Antônio Pereira Coelho Antônio Pereira Coelho

Resumo


A exigência da inserção e interação com os processos comunicacionais mediáticos digitais são requisitos da condição comunicativa contemporânea, corrobora na alteração da finalidade inicial de diversas instituições. Indubitavelmente, a dependência tecnológica no cenário hodierno estabelece novos padrões e desperta reflexões concernentes ao processo de ensino e aprendizagem. Sendo assim, em uma sociedade cada vez mais midiatizada, o midiático representa estímulo aos conhecimentos críticos para o desenvolvimento da liberdade de expressão, do direito à informação e do estímulo da cidadania. Por conseguinte, a proposta deste trabalho é procurar compreender o contexto de uso de uma linguagem híbrida na sociedade midiatizada, em que se insere a Comunicação Digital e a Educação e refletir sobre as mudanças que acarretam nas pessoas, compreendidas como sujeitos de um processo educativo. A educação e seu uso através das mídias digitais ainda é um grande desafio no contexto escolar, que deve adotar metodologias de compartilhar saberes com coesão e compreensibilidade.

Palavras-chave


midiatização; linguagem híbrida; comunicação; educação

Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e Filosofia da Linguagem. São Paulo: Editora Hucitec,2014.

CASTELLS, M. A sociedade em rede: a era da informação – economia, sociedade ecultura. São Paulo: Paz e Terra, 1999. v. 1.

HELLER, Barbara; LONGHI, Carla Reis Comunicação em tempos de midiatização. SãoPaulo: INTERCOM, 2013. Disponível em:

http://www.portcom.intercom.org.br/ebooks/arquivos/6f63aa0af7fae08ba1d093f7f2f324a2.pdf. Acesso em: 21 de junho de 2020

KENSKI, Vani Moreira. Educação e tecnologias: o novo ritmo da informação. São Paulo:Editora Papirus, 2014.

MORAN, José Manuel. A educação que desejamos: Novos desafios e como chegar lá. SãoPaulo: Editora Papirus, 2011.

NAGAMINI, Eliana. (org.). Questões teóricas e formação profissional em comunicação eeducação. Ilhéus, BA: Editora Editus, 2016.

RIBEIRO, Daniela Costa. As novas tecnologias de comunicação e as transformações noprocesso de produção televisiva. Disponível em:

http://www.cult.ufba.br/enecult2008/14557.pdf. Acesso em: 21 de junho de 2020.

ROJO, Roxane Helena Rodrigues; BARBOSA, Jaqueline P. Hipermodernidade,

multiletramentos e gêneros discursivos. São Paulo: Editora Parábola, 2015.

SANTAELLA, Lúcia. Culturas e artes pós-humano: da cultura das mídias a

cibercultura. São Paulo: Paulus, 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2317-0239 (Eletrônico)

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.