v. 1, n. 1 (2007)

Shoah: arquivos do bem, arquivos do mal

APRESENTAÇÃO

Lyslei Nascimento

No Brasil, segundo recente pesquisa, 96% da população desconhece o significado da palavra "Holocausto". Negacionistas e revisionistas têm encontrado, assim, um solo fértil para a disseminação de suas idéias. Uma vasta literatura de desinformação, que já chegou ao cinema, ao vídeo e à Internet, tem sido produzida e disseminada. Velhos pesquisadores nostálgicos do nazismo e jovens militantes neonazistas trabalham, há décadas, na construção de uma maciça propaganda intitulada revisionimos". Uma exposição de "caricaturas do Holocausto" (que teve, com caricaturistas brasileiros, o terceiro lugar em número de colaborações) além de um Congresso Mundial de Revisionistas, em pleno século 21, reeditam campanhas de intolerância e racismo. Desse modo, filmes, romances, contos e caricaturas revisionistas ou negacionistas, em todas as mídias, compõem um "arquivo do mal" destinado a desconstruir testemunhos, biografias, depoimentos, fotografias e todos os estudos empreendidos pós-Shoah. Nosso objetivo é, pois, neste dossiê, refletir sobre a literatura, o cinema e as artes em geral, produzidos sobre a Shoah, contrapondo-a ao mal que os nossos tempos ainda insistem em deixar proliferar.


DEDICATÓRIA

 

David Bankier nasceu na Alemanha, em 1947. Formou-se na Hebrew University of Jerusalem, onde obteve seu doutorado em História Judaica. Atualmente é Professor do Solomon and Victoria Cohen Institut da Hebrew University, Diretor da área de Estudos sobre Anti-Semitismo e Holocausto no Institute for Contemporary Jewry e Diretor do Instituto de Pesquisa sobre o Holocausto do Yad Vashem, em Israel. Sua tese de doutorado versou sobre a sociedade alemã, o nazismo e o anti-semitismo de 1933 a 1938. Desenvolve pesquisas sobre a relação entre judeus e não-judeus na Europa sob ocupação; a propaganda e a mobilização política durante a II Guerra; a emigração de judeus para a Alemanha e a reabilitação da vida comunitária judaica na América Latina. Autor, entre outros títulos, de: The German's and the Final Solution: public opinion under nazism; Secret intelligence and the Holocaust; The jews is comming back: the return of the jews to their countries of origin after WWII; Probing the Depths of German Antisemitism: German Society and the Persecution of the Jews, 1933-1941; Fragen zum Holocaust: Interviews mit prominenten Forschern und Denkern; El sionismo y la cuestión palestina; La emancipación judía; El Holocausto: perpetradores, víctimas, testigos.

 

Sumário

Arte

Marcelo Kraiser
PDF
1
Vlad Eugen Poenaru
PDF
2

Artigo

Alcebíades Diniz Miguel
PDF
3-15
Ana Szpiczkowski
PDF
16-23
Berta Waldman
PDF
24-30
Davy Bogomoletz
PDF
31-41
Ethel Mizrahy Cuperschmid
PDF
42-49
Leila Danzinger
PDF
50-58
Leniza Kautz Menda
PDF
59-66
Leonardo Senkman
PDF
67-97
Lyslei Nascimento
PDF
98-113
Manuela Franco
PDF
114-122
Márcio Seligmann-Silva
PDF
123-135
Patrícia Chiganer Lilenbaum
PDF
136-144
Renata Rozental Sancovsky
PDF
145-153
Renato Somberg Pfeffer
PDF
154-164
Ricardo Forster
PDF
165-183
Saul Kirschbaum
PDF
184-191
Vivien Gonzaga Silva
PDF
192-202

Entrevista

Nelson Rivera
PDF
203-206

Conto

Halyna Grimberg
PDF
207-208
Luiz Nazario
PDF
209-217
Ivonne Saed
PDF
218-224

Poema

Leonor Scliar-Cabral
PDF
225
Leonor Scliar-Cabral
PDF
226
Vera Meisels
PDF
227
Vera Meisels
PDF
228

Crônica

Moacyr Scliar
PDF
229-230

Resenha

Alexandre Martins Soares
PDF
231-234
Claudio Adriano Elias Soares
PDF
235-236
Leniza Kautz Menda
PDF
237-238
Raquel Teles Yehezkel
PDF
239-243