Cenas Pedagógicas da Escola de um Centro Sócio-educativo: a aula como (não) acontecimento

Ernesto Sergio Bertoldo

Abstract


Resumo: Neste artigo, problematizamos a relação com o saber, em uma aula de Língua Portuguesa e em uma aula de língua inglesa, em nível médio, ministradas por professores que trabalham em uma escola regular, localizada em um Centro Sócio-educativo, destinado a menores infratores, em uma cidade do interior de Minas Gerais. O espaço discursivo da escola está constituído por aquilo que também constitui as escolas das redes públicas no Brasil: os alunos estariam fadados ao fracasso escolar. Constitui nosso argumento que a relação com o saber encontra lugar privilegiado na sala de aula. É na sala de aula que o aluno pode ter um contato-confronto com saberes específicos a partir de atividades intelectuais que, em alguma medida, implicam o seu sucesso ou o seu fracasso escolar. Em nossas análises das aulas, mobilizamos a Análise de discurso de orientação pecheutiana em sua interface com conceitos da psicanálise lacaniana. O discurso como acontecimento, assim como a relação com o saber e a transferência constituem os principais conceitos norteadores de nossa análise. Os resultados indicam que não é possível dizer que as aulas se constituem como um acontecimento no sentido de fazerem confrontar uma memória e uma atualidade, uma vez que entre professores e alunos não foi possível observar a existência de um laço suficientemente forte que pudesse articulá-los, fazendo com que os dizeres dos professores ecoassem nos alunos, produzindo efeitos de sentido que abrissem a possibilidade de (re)produção de um saber.

Palavras-chave: discurso; ensino; laço social; acontecimento.

Abstract: This article discusses the relationship of young offenders who attend to a regular school within a social-educational center and their teachers with knowledge, focusing a Portuguese language class and an English language class at high school level, in a city in Minas Gerais, Brazil. The discursive space of the school is constituted by what also constitutes public school system in Brazil: the students who attend the public schools system would be doomed to academic failure. Our point is that the relationship of these participants with knowledge finds a special environment in the classroom. It is in the classroom that students can have a confrontation with specific intellectual activities that, to some extent, can render their success or their failure. The analyses of the classroom events presented here are based on the Discourse Analysis as undertaken by Pêcheux in its interface with Lacanian psychoanalysis concepts. Discourse as an “event”, as well as the relationship to knowledge and transference, are the main guiding concepts of this article. The results indicate that it is not possible to say that the classes under analysis are constituted as an “event” in the sense that they confront a memory and an actuality. It was not possible to see the existence of a sufficiently strong bond among teachers and students that could make the teachers produce effects of meaning that would open the possibility of production of some knowledge.

Keywords: Discourse; Teaching; Social Bond; Happening. 


Keywords


Discourse; Teaching; Social Bond; Happening.

References


CHARLOT, B. Relação com o saber, formação dos professores e globalização – questões para a educação hoje. Porto Alegre: Artmed, 2005.

CICUREL, F. Variations et rituels en classe de langue. Paris: Editions Didier, 2002.

GREGOLIN, M. R. V. Olhares oblíquos sobre o sentido no discurso. In: ______. Análise do discurso: as materialidades do sentido. São Carlos: Clara Luz, 2001. (Coleção Olhares Oblíquos)

LACAN, J. O Seminário. Livro 8: A transferência. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1991.

LACAN, J. O Seminário. Livro 17: O avesso da Psicanálise. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1992.

LACAN, J. Discurso de Roma. In: ______. Outros Escritos. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2003.

NASIO, J. D. Cinco lições sobre a teoria de Jacques Lacan. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1993.

PÊCHEUX, M. Discurso - estrutura ou acontecimento? Trad. Bras. Campinas: Pontes, 1990.

RIOLFI, C. O discurso que sustenta a prática pedagógica: formação de professor de Língua Materna. 1999. Tese (Doutorado em Linguística) – Instituto de Estudos da Linguagem, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1999.




DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2237-2083.24.2.519-547

Refbacks

  • There are currently no refbacks.
';



Copyright (c) 2016 REVISTA DE ESTUDOS DA LINGUAGEM



e - ISSN 2237-2083 

License

Licensed through  Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional    

Image result for fapemig

Grant #APL-00427-17 (2018-2019)