A educação de surdos e a robótica pedagógica livre

Rafaela Santos de Souza, Danilo Rodrigues Cesar

Resumo




RESUMO:Neste artigo, defendemos a inserção dos fundamentos da Robótica Pedagógica Livre (RPL) em Espaços Multirreferenciais de Aprendizagem (EMA), inclusive – e especialmente – na educação de Surdos. Propomos uma ação educativa baseada em kits didáticos para robótica desenvolvidos com materiais de baixo custo e/ou sucatas tecnológicas-eletroeletrônicas. Através da interação com esses materiais, os Surdos são estimulados a buscar soluções para diferentes situações-problemas que podem ser propostas pelo educador, pela turma ou pela comunidade escolar. Essas atividades concretas e lúdicas estimulam a criatividade, o raciocínio lógico, a curiosidade, o senso de crítico e a abstração, levando esses sujeitos a pensar e agir coletivamente. Por esse motivo, entendemos que o uso das Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) podem potencializar o desenvolvimento das capacidades cognitivas dos Surdos a partir de ações contextualizadas e significativas. Buscando fundamentar este texto, apresentamos um projeto sobre o tema que foi implementado em uma escola pública de Belo Horizonte (MG) e em dois projetos implementados em espaços multirreferenciais nas cidades de Porto Alegre (RS) e de São Paulo (SP), relacionando-os às bases teóricas referentes à temática.

PALAVRAS-CHAVE: Educação de Surdos; Robótica Pedagógica Livre; Software Livre.

 

ABSTRACT: In this article we advocate the inclusion of the foundations of Free Pedagogical Robotics (FPR) in Multireferential Space of Learning (MSL), including – and especially – in Deaf education. We propose an educational activity based in educacional kits for robotics developed with low-cost and/or technological electro-electronic-scrap materials. Through interaction with these materials, the Deaf are encouraged to seek solutions to different situations-problems that may be proposed by the educator, the class or the school community. These concrete and playful activities encourage creativity, logical reasoning, curiosity, sense of critical and abstraction, leading these individuals to think and act collectively. For this reason, we believe that the use of Information Technologies and Communication can enhance the development of cognitive abilities of the Deaf from the same contextualized and meaningful actions. Seeking to substantiate this article, we introduce a project on the topic that has been implemented in a public school in Belo Horizonte (MG) and two projects implemented in multireferential spaces in the cities of Porto Alegre (RS) and São Paulo (SP), relating the theoretical foundations concerning the subject.

KEYWORDS: Deaf Education; Free Pedagogical Robotics; Free Software.

Palavras-chave


Educação de Surdos; Robótica Pedagógica Livre; Software Livre.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17851/1983-3652.7.2.136-147

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Texto Livre: Linguagem e Tecnologia
ISSN 1983-3652 (eletrônica)

Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais

Belo Horizonte - Minas Gerais (Brasil)

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.