MÉSSEDER, João Pedro. Pequeno livro das coisas. Ilustrações de Rachel Caiano. Lisboa: Caminho, 2012.

João Manuel Ribeiro

Resumo


Esta recensão crítica a Pequeno Livro das Coisas, de João Pedro Mésseder, tem como propósito mostrar como o poeta não abdica da intensidade, densidade e opacidade próprias do texto poético, apesar de tratar de uma obra que tem como destinatário o leitor infantil e juvenil. Tal postura manifesta e traduz um gesto ético e estético que revela a polissemia do mundo.

Palavras-chave


Poesia, coisas, linguagem, ética, estética

Texto completo:

PDF

Referências


DIAS, Saúl. O que é a poesia? Coimbra: Pé de Página Editores, 2008.

DUARTE, Rita Taborda. O pequeno livro das coisas. Disponível em: http://www.leitura.gulbenkian.pt/index.php?area=rol&task=view&id=31090. Acesso: 24 Abr. 2013.

JEAN, Georges. Na escola da poesia. Lisboa: Instituto Piaget, 1995.

MÉSSEDER, João Pedro. Pequeno livro das coisas. Ilustrações de Rachel Caiano. Lisboa: Caminho, 2012.

MOUNIN, Georges. Poésie et société. Paris: PUF, 1962.

NANCY, Jean-Luc. Resistência da poesia. Viseu: Edições Vendaval, 2005




DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2317-2096.24.1.219-226

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 João Manuel Ribeiro



Aletria: Revista de Estudos de Literatura
ISSN 1679-3749 (impressa) / ISSN 2317-2096 (eletrônica)

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.