Aletria: Revista de Estudos de Literatura

Aletria: Revista de Estudos de Literatura é um periódico quadrimestral, com avaliação de pares, mantido pelo Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais (Brasil) desde 1993. Tem como missão fomentar a produção acadêmica sobre Estudos Literários e Culturais, permitindo a pesquisadores do Brasil e do exterior divulgarem suas pesquisas e contribuírem para o debate na área.

Aletria: Revista de Estudos de Literatura is a peer-reviewed quarterly journal, sponsored by the Graduate Program in Literary Studies of the School of Letters of the Federal University of Minas Gerais (Brazil) since 1993. It aims to promote scholarly production in the Literary and Cultural Studies area, allowing researchers from Brazil and abroad to share their research and contribute to the academic debate. 

A revista Aletria aceita, em fluxo contínuo, artigos inéditos em sua especialidade: ensaios sobre estudos literários e culturais e resenhas e recensões críticas de obras literárias e de obras científicas na área de literatura e teoria literária.

Não se cobra dos autores pela publicação.

Free of charge.

Notícias

 

Chamada: Aletria v. 28, n.1 (2018) – A questão dos gêneros literários na Modernidade

 

Estudo dos gêneros literários na Modernidade, em suas manifestações narrativas, poéticas e dramáticas. Tendo como objeto as reflexões teóricas sobre os gêneros literários e suas diversas mutações, apropriações, fronteiras e limites a partir da Modernidade, a chamada contempla artigos sobre:

– Formas narrativas híbridas;

– Manifestações poéticas modernas e contemporâneas;

– O romance e suas transformações;

– Configurações dramáticas.

Organização: Joana Muylaert de Araújo (UFU)

Data limite para envio dos artigos: 20 de dezembro de 2017.

 

“The question of literary genre in modernity”.

This issue of Aletria Magazine brings together essays that investigate and discuss the question of literary genre in modernity, in its narrative, poetic and dramatic manifestations. Taking as it main object the theoretical reflections about literary genre and its various mutations, appropriations, borders and limits in modernity, this calling contemplates essays about:

– Hybrid narrative forms;

– Modern and contemporary poetic manifestations;

– The romance and its transformations;

– Dramatic configurations.

Editors of the number: Constantino Luz de Medeiros (UFMG) and Joana Muylaert de Araújo (UFU)

Submissions deadline: December 20th 2017.

 
Publicado: 2017-09-21
 

Chamada: Aletria v. 28, n.2 (2018) – Deslocamentos, linhas de fuga, confins

 

Este número da Aletria pretende acolher trabalhos que investiguem formas várias de errância humana rumo à sobrevivência. Caminhar, ocupar, refugiar, embarcar, migrar, exilar, fugir são alguns dos trajetos cuja tarefa de reflexão e de questionamento a literatura e as artes há muito tomaram para si.

As noções de fronteira, de identidade, de nostalgia colonial, nas primeiras décadas do século XXI vêm colocando em xeque demarcações binárias, tais como dentro e fora; público e privado; inclusão e exclusão; bem e mau; nacional e o estrangeiro; poder soberano e vida nua, entre outras postulações.

A chamada propõe, assim, reunir reflexões teóricas, estudos críticos e resenhas que tentam alargar conceitualmente novas formas de vida numa cartografia diversa da elaborada pela Idade Moderna.

Organização : Sabrina Sedlmayer (UFMG) e Elisa Amorim (UFMG).

Data limite para submissões: 31 de janeiro de 2018.

****

 Call for papers: Aletria, vol. 28, issue 2 (2018)

 Dislodgement, escape routes, borders

 This issue aims at collecting papers that will investigate the many forms of human wandering when it comes to survival. Walking, occupying, seeking refuge, embarking, migrating, being exiled, running away: these are some of the actions about which, long ago, Literature and Arts have taken on the task of raising questions and reflecting upon. The updated concepts of borders, identity, and colonial nostalgia, in the first decades of the 21st century, have been cornering and challenging usually binary notions, such as inside and outside, public and private, inclusion and exclusion, good and evil, domestic and foreign, sovereign power and naked life, amongst other possibilities.

Therefore, this call for papers intends to gather theoretical reflections, critical studies and reviews that will try to broaden conceptually the new ways of life in a cartography totally other than that one established in modern times.

 Editors: Elisa Maria Amorim (UFMG) and Sabrina Sedlmayer (UFMG).

Deadline: January 31st, 2018. 

***

 Desplazamientos, líneas de fuga, confines

 Este número de Aletria pretende recibir trabajos que investiguen diversas formas de errancia humana hacia la supervivencia. Caminar, ocupar, refugiar, embarcar, migrar, exiliar, huir son algunos de los trayectos cuya tarea de reflexión y de cuestionamiento la literatura y las artes, desde hace mucho, tomaron para si.

Las nociones de frontera, de identidad, de nostalgia colonial, en las primeras décadas del siglo XXI vienen poniendo en cuestión demarcaciones binarias, tales como dentro y fuera; público y privado; inclusión y exclusión; bien y mal; nacional y extranjero; poder soberano y vida desnuda, entre otras postulaciones.

Así siendo, esta llamada propone reunir reflexiones teóricas, estudios críticos y reseñas que intenten ensanchar conceptualmente nuevas formas de vida en una cartografía diversa de la elaborada por la Edad Moderna.

 Organización : Sabrina Sedlmayer (UFMG) y Elisa Amorim (UFMG).

Fecha límite para envío de los artículos: 31 de enero de 2017.

 
Publicado: 2017-09-21
 

Chamada: Aletria v. 28, n.3 (2018): A Literatura Inglesa na Idade Moderna

 

Os autores ingleses da Idade Moderna (c. 1453-1789) escreveram em um período de mudanças políticas, culturais, sociais, religiosas e científicas, nacionais e internacionais, sem precedentes. A literatura de língua inglesa em uma variedade de gêneros tradicionais e alternativos refletiu, resistiu e redefiniu esses desenvolvimentos. Este número pretende reunir ensaios que identifiquem e analisem as muitas formas de evidência  do envolvimento literário com questões transformadoras, eventos e eixos dentro e fora das Ilhas Britânicas.

Organizadores: Elizabeth Sauer (Brock University, Canadá) e Luiz Fernando Ferreira Sá (UFMG)

Data limite para envio dos artigos: 30 de abril de 2018.

 

“Early Modern English Literature”

Early modern English authors (c. 1453-1789) wrote in a period of unprecedented national and international political, cultural, social, religious, and scientific changes. Literature in English across a range of traditional and alternative genres reflected, resisted, and redefined these developments. We invite papers that identify and analyse the many forms of evidence of the literary engagement with transformative issues, events, and axes within and outside of the British Isles.

Editors of the number: Elizabeth Sauer (Brock University, Canadá) e Luiz Fernando Ferreira Sá (UFMG)

Submition dealine: April 30th 2018.
 
Publicado: 2017-09-21
 
Outras notícias...