A dialética ruminante de Antonio Candido: antes e depois da Formação da literatura brasileira

Anderson Pires da Silva

Resumo


A partir da comparação entre a introdução de Formação daliteratura brasileira e as contra-argumentações de Afrânio Coutinho, SilvianoSantiago e Haroldo de Campos, o artigo discute o problema do nacionalismona elaboração do conceito de “literatura como sistema”.

Palavras-chave


Historiografia literária; Barroco; Romantismo; Antonio Candido; Haroldo de Campos

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17851/2358-9787.20.1.15-25

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2011 Anderson Pires da Silva

O Eixo e a Roda: Revista de Literatura Brasileira
ISSN 0102-4809 (impressa) / ISSN  2358-9787 (eletrônica)

License

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.