Aletria: Revista de Estudos de Literatura

Aletria: Revista de Estudos de Literatura é um periódico quadrimestral, com avaliação de pares, mantido peloPrograma de Pós-Graduação em Estudos Literários daFaculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais(Brasil) desde 1993. Tem como missão fomentar a produção acadêmica sobre Estudos Literários e Culturais, permitindo a pesquisadores do Brasil e do exterior divulgarem suas pesquisas e contribuírem para o debate na área.

 

Aletria: Revista de Estudos de Literatura is a peer-reviewed quarterly journal, sponsored by the Graduate Program in Literary Studies of the School of Letters of the Federal University of Minas Gerais (Brazil) since 1993. It aims to promote scholarly production in the Literary and Cultural Studies area, allowing researchers from Brazil and abroad to share their research and contribute to the academic debate.

 

Qualis A1, área de Letras e Linguística, 2013.

 

Não se cobra dos autores pela publicação.

Free of charge.

Notícias

 

Chamada: Literatura e Mal (SUBMISSÃO ATÉ O FINAL DE NOVEMBRO DE 2016)

 

Há sessenta anos, Georges Bataille publicava A literatura e o mal, em que apontava a cumplicidade fundamental da literatura com o mal. Para Bataille, como para William Blake antes dele, bem e mal se correlacionam numa coincidência de contrários. Se o bem tem por objetivo a realização do potencial humano, então são necessárias interdições que visem à manutenção da vida. O mal só pode existir como transgressão da ordem social, quer como obstáculo à perpetuação da espécie, quer como quebra voluntária de tabus. É essa segunda forma de mal que Bataille associa à literatura, como manifestação do desejo de liberdade e soberania, de paixão e de superação de limites. Esse mal opera no reino do sagrado, do desconhecido e do gozo do instante motivado pela confrontação com a inevitabilidade da morte.

Serão aceitos artigos que analisem (1) o mal na literatura, (2) a validade do conceito de mal como operador ainda hoje e (3) a presença de A literatura e o mal nos estudos literários. Resenhas de livros relacionados à área, publicados entre 2014 e 2016 também serão aceitos.

Call for Papers

Sixty years ago, Georges Bataille published Literature and Evil, in which he denounced the fundamental complicity of literature with evil. For Bataille, as for William Blake before him, good and evil need each other to define the other. Thus, opposites become synthesized into a new toxic or harmonious brew.

Evil can only exist as a transgression of good, either as an obstacle to the perpetuation of the species or as a taboo willingly broken. It is this second form of evil as a manifestation of the desire for freedom and sovereignty, passion and the overcoming of limits that Bataille associates with literature. This evil operates in the sphere of the sacred, of the unknown, and in the enjoyment of the instant motivated by the confrontation with the inevitability of death. For Bataille, only when literature acknowledges its complicity with evil can it communicate fully and intensely.

We look for articles that examine (1) evil in literature, (2) the concept of evil as a critical tool, and (3) the presence of Literature and Evil in literary studies. Reviews of books related to this area, published between 2014 and 2016, are also welcome.

Organizadores:

Julio Jeha

Lyslei Nascimento

 
Publicado: 2016-04-04
 

Chamada: Esporte na Literatura e no Cinema (SUBMISSÃO ATÉ O FINAL DE AGOSTO DE 2016)

 

Este número tem como objetivo reunir textos que abordem as relações do Esporte com a Literatura e o Cinema, tema atual no contexto brasileiro diante dos megaeventos realizados em 2013 (Copa das Confederações) e 2014 (Copa do Mundo), e a se realizarem em 2016 (Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro). O referido dossiê é concebido no sentido de colaborar para a ampliação do debate sobre as questões suscitadas por essa temática no âmbito dos Estudos Literários.

Co-organizadores: Elcio Cornelsen, Marcelino Rodrigues da Silva, Gustavo Cerqueira Guimarães

 
Publicado: 2015-11-16
 

Estatísticas

 
Estatísticas de acesso  
Publicado: 2014-11-28 Mais...
 
Outras notícias...